Casa de Madeira ou Casa de Alvenaria?

Escolher o material para construir ou restaurar uma casa é a base para o conforto, qualidade, sustentabilidade, custo/benefício e design.

Para atender a esses critérios, tanto o tijolo como a madeira podem ser opções práticas e belas.

Existe também uma variedade de cores, acabamentos, tratamentos e estilos a selecionar.

Pode construir uma casa toda em tijolo, uma casa de painéis de madeira, uma casa de madeira ou fazer uma combinação entre os diversos materiais.

Não são muitos os casos, mas já existem casas de madeira onde normalmente só havia casas feitas de alvenaria ou construção tradicional.

A casa de alvenaria é aquela que é dita "casa tradicional" que é feita com tijolos, blocos, cimento e este modelo de construção é, praticamente, unânime no nosso País.

As construções em madeira são mais comuns no norte da Europa, Estados Unidos, Canadá, mas, atualmente, já começam a aparecer por todo o lado.

A título informativo e de curiosidade, está provado que o isolamento térmico da madeira é seis vezes superior ao do tijolo, 15 vezes superior ao do betão, 400 vezes superior ao do aço e 1770 vezes superior ao do alumínio.

Assim, é possível manter o ambiente interior quente no Inverno e fresco no Verão, com poupanças de energia que podem ultrapassar os 50% em relação às construções de alvenaria ou pedra.

Uma parede de madeira com 17 cm de espessura equivale a uma outra em cimento com 40 cm.

Com base em apenas dois parágrafos vem a pergunta: Valerá mesmo a pena continuar a construir de acordo com o método convencional ou devemos optar pela construção em madeira?

Note que o tijolo é ligeiramente mais caro do que a madeira.

A sua construção sólida pode representar um obstáculo para reformas básicas ou acréscimos, caso deseje alterar a estrutura. Para habitar toda a vida, a manutenção de um imóvel de alvenaria é mais cara e mais frequente do que para imóveis em madeira, principalmente após os primeiros 10 anos de construção dos mesmos.

Assim, de forma clara e simplificada, apresentam-se abaixo as principais diferenças em construções de madeira e construções de alvenaria, atualmente.

CASA DE ALVENARIA

A construção tradicional tem como vantagem o facto da sua estrutura ser mais robusta. Este tipo de construção é já um histórico enorme no nosso País.

Normalmente, quando é bem construída é mais cara, mas aparentemente torna a construção mais robusta e sucessível, a menos que tenha problemas de manutenção e talvez até de vida útil.

Tem como uma desvantagem o facto do processo de construção ser demorado e de exigir bastante mão de obra para a execução do trabalho.

Vantagens de uma casa de alvenaria

É uma escolha natural e os tijolos para alvenaria podem vir em vários tons e tamanhos, fabricados dos mais diversos materiais disponíveis. Os tijolos de alvenaria protegem a sua casa de danos durante tempestades. A alvenaria é à prova de térmitas e durável durante um longo período de tempo. Em adição ao já enunciado, a manutenção da alvenaria e o seu acabamento consiste, geralmente, em remover a tinta existente e pintar de novo.

Como as construções de alvenaria são estáveis, quando feitas com material de boa qualidade, as estruturas centrais e de sustentação para os tijolos podem durar centenas de anos, se receberem a devida manutenção.

Desvantagens das casas de alvenaria

As desvantagens do tijolo estão largamente relacionados com a qualidade dos materiais utilizados, em geral. Este material é mais caro do que a madeira, salvo exceções.

O tijolo não pode ser demolido ou movido facilmente e, às vezes, apresentam uma forma irregular.

Em áreas húmidas e onde há uma certa variação da temperatura, o tijolo pode ser vulnerável a mofo, pois expande e contrai com temperaturas frias. Possui, ainda, poros onde o mofo e a humidade se podem acumular.

Quando um tijolo é quebrado, rachado, danificado ou queimado, normalmente, vai precisar de substituição e reparos que necessitam de uma nova argamassa, reboco e acabamento. Esta questão é ainda mais frequente quando há problemas com infiltrações, canos ou com a rede elétrica, pois estes estão geralmente embutidos no tijolo e no betão.

O acabamento de uma casa de alvenaria é também mais caro e demorado e os erros durante a construção ou restauração envolvem mais custos e demoram mais tempo a serem corrigidos.

No que diz respeito ao incêndio, uma casa de alvenaria, com o ferro que tem nas paredes tem um comportamento irreparável, ou seja, com a alta temperatura de um incêndio o ferro dilata e as paredes fissuram, racham e caiem. A única solução é reconstruir (está comprovado).

CASA DE MADEIRA

A madeira é linda e sensata para casas permanentes e chalés. É biodegradável, acessível, saudável e segura. As casas de madeira respiram, absorvem e expulsam a humidade. Filtram e purificam o ar, regularizando assim o meio ambiente interior, o que contribui para evitar doenças reumáticas, respiratórias, entre outras.

Por outro lado, as propriedades acústicas da madeira são amplamente reconhecidas: a madeira absorve uma parte importante da energia das ondas sonoras que recebe com a consequente redução da poluição acústica.

A casa em madeira é uma casa silenciosa e ajuda na redução do stress de quem a habita. Casas de madeira são mais fáceis de renovar, modificar e construir do que casas em tijolo.

Madeira devidamente tratada contra apodrecimento pode durar séculos. Madeiras e árvores mais velhas são fortes e duradouras e a madeira é uma boa solução para quem quer construir uma moradia, em ambientes naturais ou para fins ambientalmente saudáveis. No fundo para poder viver permanentemente numa casa de férias.

Vantagens de uma casa de madeira

Normalmente, casas de madeira tem um custo mais acessível do que casas de alvenaria.

Este tipo de casas é bastante fácil de trabalhar, além do material ser mais leve.

A madeira é encontrada com um pouco mais de dificuldade do que a alvenaria, mas mesmo para a construção de casas, boa madeira de qualidade, pode ser encontrada em qualquer lugar e, com a globalização, é cada vez mais fácil ter acesso a importação de excelente qualidade de matéria prima.

Estas moradias podem ser encontradas nos lugares mais habitáveis ​​na terra, pois a madeira já provou ser um material de construção confiável ao longo de milhares de anos. Em áreas onde se acumulam sedimentos, propensas à erosão e o onde clima é muito seco, a madeira torna-se uma melhor opção porque esses sedimentos danificam a alvenaria, enquanto que a madeira consegue resistir melhor, inclusive ao vento.

A madeira é também um ótimo isolante térmico. Nas noites de frio você terá uma melhor forma de manter o calor e de se manter quente. Como a madeira absorve humidade, é um condicionador de ar natural.

Outra vantagem considerável é que a madeira é mais flexível do que os tijolos e pedras para alvenaria. Isso faz da madeira um material mais fácil de trabalhar. Isto é especialmente verdadeiro para desenhos incomuns de casas e construções.

Alguns tipos de madeiras são capazes de liberar terpenos, uma substância que acalma a mente e o corpo. Isto é conhecido como o “efeito de banho de floresta”.

As reparações e a manutenção de uma casa de madeira, mesmo para problemas estruturais, são bem mais acessíveis do que para casas de alvenaria. Canalizações, redes elétricas, acabamentos, troca de madeira danificada, tudo fica mais barato com madeira.

Construir uma casa de madeira é também mais rápido do que uma casa de alvenaria.

No que diz respeito aos incêndios, questão importante da parte de quem nos procura, comprovadamente, existem estudos que o demonstram: uma casa de madeira resiste muito mais ao fogo e com menores danos do que uma casa de alvenaria. Um tronco de madeira de 140 mm de espessura leva cerca de 2 horas a arder (a madeira arde cerca de 0,12 mm por minuto), dependendo sempre da sua densidade. Importante referir que tem recuperação.

Desvantagens para casas de madeira

O desgaste da madeira ao longo dos anos é o que mais leva as pessoas a preferir casas de alvenaria. Poderá, eventualmente, ter que se preocupar com os danos das térmitas, o que não é o caso em Portugal Continental. Apenas nos Açores existem algumas colónias de térmitas.

A madeira é um material que se pode expandir e contrair até se habituar às temperaturas e ao meio ambiente que a rodeia.

A mão de obra para casas de madeira, em geral, tende a ser mais cara, apesar dos materiais serem mais baratos. Isso é devido à disponibilidade de profissionais nesta área, que não abundam no nosso País.

Qual o melhor tipo de construção para onde moro?

Talvez essa seja a pergunta mais importante a fazer quando estiver a comparar casas de madeira com casas de alvenaria. Deve considerar o clima da sua região, o custo dos materiais, a mão de obra disponível, o tamanho da casa ou construção, etc.

Ter em conta o tipo de clima que se faz sentir na sua região, pois a escolha da cobertura mais adequada é um fator muito importante. Se fôr uma zona muito chuvosa ou de Inverno rigoroso, talvez, a melhor opção recaia sobre telhados convencionais em telha cerâmica, de forma a evitar possíveis infiltrações.

Tendo em conta tudo o que leu acima, deixamos-lhe uma questão:

Construir em madeira, será só uma questão de gosto ou de conforto também?